Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Como calcular o mark-up de cada produto do site

Como calcular o mark-up e pra que? Bom, entre os 4 P’s de Marketing, Preço é o fator mais importante para a longevidade de qualquer e-commerce. Mas encontrar o equilíbrio exato entre competitividade, percepção de valor e, principalmente, lucratividade é quase um trabalho de malabarismo com pratos.

Sabendo como calcular o mark-up, o prato da Lucratividade vai ser o menor dos seus problemas. Com ele, você descobre qual o valor mínimo que cada produto deve ter para compensar a sua operação. Assim, você sabe realmente a viabilidade de manter cada item no seu portfólio e estipular até onde pode chegar o desconto em épocas de promoções, por exemplo.

Hoje vou mostrar a verdadeira forma de como calcular o mark-up dos seus produtos – tudo com exemplos. Vamos lá?

Baixe o e-book grátis!

Qual fórmula de mark-up você deve utilizar?

Mulher confusa com a mão no canto da boca olhando para os papéis que está segurando. Há um notebook em sua frente

Quando o seu cliente vê um preço na página de produtos do seu e-commerce, nem imagina quanto trabalho, pesquisa e cálculo foram necessários para determinar um valor competitivo.

Na verdade, várias lojas online, e algumas delas suas concorrentes, também não sabem. Essa falta de planejamento é um dos motivos que fazem 60% dos e-commerces fecharem antes mesmo de completar um ano de existência, segundo o SEBRAE .

Para esse não ser o seu caso, o primeiro passo você já deu, que foi estar aqui, procurando saber como calcular o mark-up dos seus produtos. Agora, o segundo é decidir qual fórmula utilizar para isso. Saiba mais:

Fórmula de mark-up Simples

Como em quase tudo na vida, aqui você tem dois caminhos a seguir, um – extremamente – mais simples e outro mais complicado.
Vou começar te explicando pelo mais básico, como calcular o mark-up simples, a partir dos seguintes critérios:

Lucro Pretendido (LP): Geralmente, a margem de lucro no e-commerce varia entre 10% e 25%. Mas para calcular certinho a do seu, dê uma lida no meu texto: qual a margem de lucro ideal para e-commerces?

Custo de Aquisição: basicamente você precisa aqui saber quanto te custou cada produto. Isso vai depender da sua habilidade em como encontrar bons fornecedores e a quantidade de mercadorias adquiridas no atacado, por exemplo.

Para o exemplo, vamos supor que você determinou a margem de lucro em 22% para o seu e-commerce e que o preço pago por cada produto foi de R$37,00. Com apenas essas duas variáveis já dá para saber como calcular o mark-up simples em dois passos:

mark-up Simples = 100 : (100 – LP)
mark-up Simples = 100 : (100 – 22)
mark-up Simples = 100 : 78
mark-up Simples = 1,28

Você acabou de determinar o índice de mark-up. Agora falta aplicá-lo no preço que você pagou por cada produto para ter o quanto será cobrado de seus clientes:

Preço de Venda = Custo de aquisição X mark-up Simples
Preço de Venda = 37 X 1,28
Preço de Venda = R$47,36

Basicamente é isso, você determinou o markup e encontrou o preço de venda mínimo para ter 22% de lucro sobre o produto. Se você vender a menos do que esse preço, vai estar tendo um lucro menor.

Mas você sabe que o custo de não é o único gasto que você tem dentro de um e-commerce, então precificar apenas com base nisso é um erro. O melhor que você faz é utilizar a fórmula de mark-up completa. Veja como:

Fórmula de mark-up Completa:

Eu sempre te mostro o caminho mais simples de resolver qualquer problema ou dúvida no e-commerce. Mas no caso de como calcular o mark-up, essa simplicidade pode comprometer a saúde financeira do seu negócio.

Então o jeito mais seguro realmente vai ser o mark-up completo.. Na verdade ele não é difícil de calcular, mas descobrir como calcular o mark-up completo vai exigir um conhecimento aprofundado da sua operação para determinar alguns fatores além da margem de lucro desejada, que você já aprendeu:

Despesas fixas(DF): Aqui entram todos os seus gastos que não variam, independente da quantidade vendida ou produzida. Alguns deles são: aluguel de escritório e estoque, energia, água, despesas com contador, mensalidade da plataforma e salários não comissionados. Você deve somar todos eles e dividir pela quantidade de produtos que você oferece.

Vamos supor que a soma de todas essas despesas deu R$9.000,00 e você tem em seu estoque 1.500 produtos.

R$ 9.000 : 500un = R$ 18 por unidade

Em porcentagem, 6% do preço de venda do produto vai para Despesas Fixas.

Despesas Variáveis(DV): Aqui entram todas aquelas que aumentam quanto mais o seu e-commerce vende, como impostos do produto, comissões de vendedores, embalagens e frete. Elas também devem ser divididas pela quantidade de produtos vendidos.

Considerando a soma dessas despesas variáveis como R$14.500, este valor representaria:

R$ 14.500 : 500un = R$ 29

Em porcentagem, 9,7% do seu preço final vai para Despesas Variáveis.

Agora que você já determinou quais são as despesas de cada produto do seu estoque, tem tudo o que precisa para entender como calcular o mark-up. É só jogar na fórmula:

mark-up = 100/[100-(DF+DV+ LP)]
Markup Completo = 100 / [100 – (18 + 29 + 22)]
mark-up Completo = 100 / [100 – 69]
mark-up Completo = 100 / 31
mark-up Completo = 3,2

Como no exemplo de como calcular mark-up simples, agora é a hora de aplicar o índice no custo de aquisição:

Preço de Venda = Custo de aquisição X mark-up Completo
Preço de Venda = 37 X 3,2
Preço de Venda = R$ 118,40

Viu como é importante saber como calcular o mark-up Completo? Claro que esse é um dado hipotético e eu coloquei valores bem discrepantes, mas caso você estivesse fazendo apenas pela fórmula simples estaria levando quase R$ 80,00 de prejuízo por produto. E é assim que muitos negócios quebram.

O mark-up precisa ser feito para cada produto?

Mulher de frente para uma prateleira cheia de caixas anotando relatório em seu tablet. Ela está de costas para a câmera.

A resposta é sim, simplesmente porque cada produto tem uma margem diferente de lucro, e isso vale para qualquer segmento.

Produtos que são lançamentos, por exemplo, possuem uma margem de lucro maior, que depois vai diminuindo até entrar em promoção. Nesse caso, o valor mínimo que você pode cobrar é aquele que cobre todos os seus gastos, então deve colocar o Lucro Pretendido (LP) como 0 para descobrir o quanto cobrar sem ter prejuízo.

Mas se você está se perguntando como calcular o mark-up de cada produto sem gastar muito tempo – e sem riscos de errar nos cálculos – a melhor maneira é inserir essa fórmula em uma planilha onde você só preenche os campos e o resultado final aparece.

Claro, nem todos têm habilidades para criar essa autoforma, mas nem precisa. Hoje é possível encontrar diversas planilhas prontas e grátis na internet, então é só você baixar e fazer os testes com diferentes margens de lucro, até encontrar aquela ideal.

Entre elas, a que eu já testei e indico é a Planilha de Cálculo de mark-up do Quanto Sobra, empresa de softwares de gestão e para micro e pequenas empresas. Essa planilha deles é bem simples e com os conhecimentos de como calcular mark-up que você já adquiriu nesse texto, vai tirar de letra.

Foto de parte da tela de um notebook com o programa Excell aberto. Podemos identificar uma tabela com números destacados por cor.

Bom, creio que a minha tarefa de te mostrar como calcular o mark-up de cada produto termina por aqui. Com isso falta pouco, mas a sua missão de precificar produtos ainda não terminou.

Lembra quando eu te disse que muitos empresários do e-commerce estipulam a margem de lucro sem um estudo prévio, ou então não sabem muito bem como estipular o mark-up e acabam fazendo apenas a versão simples do cálculo?

Então esse é um dos 4 erros da precificação, e se você não quer cometer os outros três, recomendo fortemente que você leia os meu texto de como precificar produtos na internet, que contém os segredos da precificação no e-commerce.

Te encontro lá!

Monte seu site hoje com o Amplia